Ser Professor do 1.º Ciclo

sexta-feira, dezembro 23, 2005

Primeira entrevista: Turma 2 (21-12-2005)

Também já foi concretizada (quarta, dia 21) a primeira entrevista com a Turma 2 (2003) sobre a “formação inicial”. Da mesma forma que fiz com a Turma 1, gostaria de pedir, no imediato, à Andreia, à Beatriz, à Cláudia, à Eva e à Susana que falassem um pouco sobre a forma deste (re)encontro, a vossa participação e os sentimentos que suscitou. Depois das festas, poderemos falar de aspectos mais específicos e mais directamente relacionados com a entrevista de grupo. Globalmente, gostei muito das intervenções de todos os elementos deste grupo de trabalho. Foi para mim um prazer ter voltado a conversar convosco sobre a vossa “formação inicial”.

9 Comments:

  • Oá Boa Noite....
    Gostava de ver algumas opiniões das colegas da turma 2, neste blog.....
    Era interessante haver partilha de experièncias e opiniões...
    Não se acanhem....

    vamos reflectir....

    By Blogger Nuno Monteiro, at 12/26/2005 8:37 da tarde  

  • Olá, consegui arranjar alguma coragem para participar, e sobretudo tempo. Este final de período deixou-me exausta. Todavia, nesta pequena pausa natalícia vou tendo tempo para desfrutar de pequenos prazeres e pensamentos que até então me estavam privados devido aos afazeres e stress diários.
    Desde já gostaria de referir que gosto de ler o que se escreve neste blog. È um meio de partilha interessante que aproxima as pessoas que têm algo em comum para dar e receber.

    No dia 21 de Dezembro lá fizemos nós a nossa reunião. Inicialmente estava um pouco apreensiva pois não sabia muito bem o que era esperado dizer e como seria voltar ao IEC para recordar e reflectir sobre os anos de formação. Porém, ao contrário das minhas expectativas, a conversa fluiu e foi com agrado que recordei certos pormenores de que já nem sequer me lembrava.

    Considero que é importante haver estes momentos de reflexão para que se pondere sobre o que achamos que esteve bem e o que consideramos ter estado pior. Estas análises/reflexões partilhadas de pessoas que tiveram a mesma formação e depois se viram no “terreno” (como diria a Dra. Lídia Máximo) ajudam a avaliar todo um trabalho de formação.

    Quanto a mim, para além de me sentir agradada por estar a colaborar neste projecto, estou igualmente satisfeita porque já sentia a falta da partilha, da inovação, da vontade crescente de fazer cada vez melhor. No meu dia-a-dia como docente, apesar de ainda estar no terreno há pouco tempo, sinto que tenho necessidade de me renovar, de partilhar ideologias e de debater assuntos para não entrar num sistema viciado, que me pode arrastar e desgastar.

    Espero que tenham tido um Bom Natal e votos de um 2006 cheio de saúde, paz e alegria.

    By Blogger Susana Costa, at 12/27/2005 1:15 da manhã  

  • Olá Susana. Gostei muito do seu comentário; do meu ponto de vista, revela uma quadra de Natal muito cheia, mas, ao mesmo tempo, tranquila e em paz consigo mesma.
    E, de momento, apesar de me apetecer, mais não digo; esperemos pelas reacções das outras pessoas. As suas reflexões neste comentário são um indício que muito teremos ainda para dizer e 'conversar' neste blog. Continuação de festas felizes.

    By Blogger Carlos Silva, at 12/27/2005 1:54 da manhã  

  • Depois da primeira entrevista e também depois de um Natal muito bem passado, é altura de reflectir um pouco...
    Antes de mais, devo dizer que foi muito bom reencontrar algumas colegas que já não via há muito tempo e, acima de tudo, foi óptimo partilharmos ideias, opiniões e discutirmos saudavelmente.
    Apesar de algumas opiniões discordantes penso que o balanço em relação à nossa formação inicial foi bastante positivo!!!
    Na minha opinião, é fundamental não só problematizar as escolas, os docentes, os agrupamentos, o ministério...mas também a formação inicial! Será que esta conduz a uma mudança na prática dos professores? Será que esta motiva os professores a viverem a escola como sendo deles? Será que a formação inicial desenvolve nos professores uma maior maturidade curricular?
    Concerteza existirão muitas respostas para estas perguntas...e é isso que estamos a tentar descobrir!
    De facto, acima de tudo, qualquer formação inicial de professores deve contribuir para que os formandos, enquanto professores, abandonem a cultura de reprodução que ainda predomina nas nossas escolas!!!

    Pensem nisto... Até breve!!!

    By Blogger Ana Beatriz Costa, at 12/28/2005 11:09 da tarde  

  • Olá! Gostaria de começar por pedir desculpa pela demora, mas esta época natalícia é sempre bastante absorvente.

    A reunião do dia 21 serviu para conversar acerca das nossas concepções sobre a formção inicial e sobre algumas das dificuldades que sentimos e continuamos a sentir no nosso dia-a-dia na escola. De facto, é bom sabermos que algumas das dificuldades que sentimos foram também sentidas por outras colegas, uma vez que, na minha opinião um dos aspectos qe mais pesa negativamente neste início de carreira é o isolamento. Claro que podemos quebrar esse isolamento com o nosso grupo de amigos mas tendencialmente as opiniões tendem a convergir e quando o fazemos com pessoas que não nos são tão próximas ou que têm outros percursos acaba por ser mais enriquecedor e o mesmo acontece relativamente à formação inicial.

    No que concerne à formação inicial tendemos a focar mais nos aspectos menos positivos porque esses possuem a capacidade de nos marcar de forma mais profunda. No entanto, gostei de relembrar alguns dos aspectos positivos e algum do trabalho que foi realizado. Particularmente, gostei de poder rever o meu material pois fez-me pensar que de facto consigo concretizar algumas das ideias em que acredito porque muitas vezes perante a inércia do ambiente que nos rodeia acabamos por nos esquecer disso.

    Gostei muito de vos rever!!!!!!!!!!De facto está toda a gente mais bonita e menos cansada, isso também é um aspecto bastante positivo!

    Espero que todos tenham passado um bom natal e que entrem com o pé direito no novo ano!

    By Blogger Cláudia Lopes, at 12/29/2005 8:46 da manhã  

  • Falta a ANDREIA e a EVA manifestarem uma opinião sobre a entrevista. Utilizo este meio para vos pedir um sinal, ainda que seja para dizer que a sessão da entrevista não vos entusiasmou... Obrigado.

    By Blogger Carlos Silva, at 1/06/2006 2:28 da manhã  

  • Olá,
    Desculpem o atraso, mas a realidade é que o tempo tem sido curto demais para me dedicar a todos os projectos em que estou envolvida da forma como desejava.
    De qualquer forma, queria só registar que a entrevista foi bastante interessante porque nos permitiu reflectir sobre a formação inicial e, assim, pensarmos na nossa prática profissional.
    Para além disso, foi muito bom rever colegas com quem já não contactava quase desde o final do curso.

    By Blogger Eva Santos, at 1/11/2006 9:13 da tarde  

  • Olá!
    Aproveito para pedir desculpa pela demora.

    Após a reunião realizada no dia 21 de Dezembro, sinto que foi um excelente momento promotor de reflexão e de partilha de opiniões. Como aqui já foi dito, foi um processo de colaboração, da qual, por vezes, sentimos falta no meio em que exercemos as nossas funções docentes.
    Os aspectos negativos durante a nossa formação foram vários, mas os aspectos positivos sobrepuseram-se, fazendo-me sentir uma priveligiada pela formação de que fui alvo. Apesar disto, durante a reunião, foi dada ênfanse aos aspectos negativos, o que se deve à vontade de mudança, de procura de uma formação cada vez mais capaz de mudar mentalidades e atitudes.

    Até à próxima!!

    By Blogger Andreia Lusquinhos, at 1/13/2006 9:38 da manhã  

  • Como fiz noutros casos, queria também agradecer (não me importo que sejam tardios; são sempre bem-vindos) os comentários da Eva e da Andreia. Como já comentei uma postagem da Eva, queria dizer agora umas palavras à Andreia. Acredito que os contextos possam favorecer os processos de colaboração (como parece ter sido o caso da entrevista), mas também acredito que são as pessoas que alimentam esses contextos. Por isso, há que ousar, pode ser que haja alguma surpresa e que se consiga, de facto, contribuir para a mudança de ‘mentalidades e atitudes’… Por isso, proponho-lhe que comece por este blog, pois acredite que as suas ideias são sempre bem acolhidas.

    By Blogger Carlos Silva, at 1/19/2006 12:51 da manhã  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home